FUNDÃO PARTICIPA DE REUNIÃO PARA DISCUTIR A CRIAÇÃO DO CONSÓRCIO DE SEGURANÇA PÚBLICA. (31/10/2019)

Na manha de quarta-feira (30) o prefeito Pretinho Nunes, acompanhado do Secretário de Administração Paulo Vitor Broetto, estiveram presentes na reunião que deu início a criação do primeiro Consórcio de Segurança Pública do Estado, que discutiu a possibilidade de expandir a atuação do “Cerco Eletrônico” nas essas cidades vizinhas FUNDÃO, IBIRAÇU, JOÃO NEIVA E ARACRUZ, tendo por objetivo a implantação de novas tecnologias interligadas no combate ao crime nessas cidades.

Participaram também o prefeito de Aracruz Jones Cavaglieri; Paulo Roberto Rodrigues e o Secretário de Administração e Recursos Humanos, Luciano Forrechi e os assessores Paulo Roberto Rodrigues e Renato Lama de Faria; o prefeito de Ibiraçu Eduardo Marozzi Zanotti (Duda) e a Secretária de Gestão Pública Andressa S. Rodrigues; o prefeito de João Neiva, Dr Otávio Abreu Xavier, a Assessora Mônica Xavier e o técnico de TI, Vinícius S. de Moraes. Também estiveram presentes o 2º Ten. PMES Filipi Xavier de Souza; o Major Fabrício Segato Auer e Cláudio Sila do 5º BPM; o Investigador da PC/ES Daniel Cordeiro além de Máratti de Fátima Croce do CIM Poli norte.

Além de discutir a criação do consórcio, na reunião foram abordadas as principais propostas sobre a segurança pública, os gestores municipais falaram dos problemas em seus municípios e junto das autoridades policiais presentes, defenderam a importância dessa ferramenta no auxílio dos agentes de segurança, assim como a criação de uma câmara setorial para buscar recursos. Segundo a assessoria de comunicação de Aracruz, o Governo Federal já se manifestou e os estados têm prazo até novembro para criar leis e implantá-las. “Em Aracruz já existe um projeto de lei pronto para a criação do Sistema Único de Segurança Pública, pois para conseguirmos recursos federais, temos que nos organizar enquanto município”, explicou Luciano.

O prefeito Pretinho falou sobre a importância da criação do consórcio. “Essa parceria é muito importante para os quatro municípios, visto que, o custo poderá ser reduzido drasticamente, possibilitando que possamos em breve, ter em nossos municípios, destaco Fundão, onde nossa gestão está se empenhando em busca dessas melhorias, principalmente na área da segurança pública; Tecnologias que além de proporcionar um trabalho mais ágil, trará bons resultados que diminuirão e inibirão os crimes contra as pessoas e patrimônios, exemplo esse, como podemos ver na cidade de Aracruz que já atua com cerco eletrônico.” Destacou o prefeito pretinho.

O Cerco Eletrônico é um avanço. Exemplo dessa tecnologia, são as câmeras de videomonitoramento capazes de enviar as imagens em tempo real para a central, que fica na cidade de Aracruz, tecnologia capaz de identificar placas de veículos, inclusive emitindo alertas para a central de carros com restrições de furtos e roubos, auxiliando na elucidação de crimes e recuperando veículos em tempo recorde. Após a reunião todos visitaram as dependências da Central Integrada de Segurança Pública (CISP) de Aracruz para conhecerem de perto as estruturas e seu funcionamento. O Cerco Eletrônico e a Central de Videomonitoramento, que hoje opera com 66 câmeras em todo o município, juntos ofertam às forças policiais mais poder de investigação e inteligência no combate ao crime.