Assinada ordem de serviço para reforma do CRAS em Praia Grande (01/07/2019)

Após as melhorias, novas instalações do CRAS deverão proporcionar mais conforto para colaboradores e famílias assistidas.

Na manhã de sexta-feira (28), a Prefeitura Municipal de Fundão, por meio da Secretaria de Habitação e Assistência Social (SETHAS), promoveu a assinatura da ordem de serviço para a reforma e ampliação do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) em Praia Grande, localizado na Rua Piauí. O ato solene contou com a presença do chefe do poder executivo municipal, Pretinho Nunes; da primeira dama, Verônica Almeida; além de secretários, vereadores, servidores e membros da comunidade.

A obra será realizada com recursos próprios da prefeitura e executada pela empresa vencedora do processo licitatório, Cuco Engenharia LTDA, do empresário Joel Cuzzuol.

Após a reforma, as novas instalações do CRAS deverão proporcionar mais conforto para colaboradores e famílias assistidas. “É mais um passo importante da nossa gestão e estamos com um olhar promissor e mais voltado a estas ações, ao trabalho direto com as pessoas, com atendimento, carinho e respeito. Prestando assistência aos mais necessitados, faremos nosso município melhor e esse é nosso compromisso. E ainda faremos mais”, afirmou o prefeito de Fundão, durante o evento.  Em sua fala, o secretário de assistência social destacou a união da gestão municipal para que mais um projeto pudesse ser concretizado. “Essa reforma é fruto do trabalho de todos. Tenho que destacar o prefeito Pretinho, com a responsabilidade com o dinheiro público, e toda minha equipe, em especial as funcionárias do CRAS, pelo empenho nesta caminhada na reconstrução da nossa cidade. Este é mais um desafio vencido”.

O Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) é uma unidade pública estatal descentralizada da política de assistência social, sendo responsável pela organização e oferta dos serviços socioassistenciais da Proteção Social Básica do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) nas áreas de vulnerabilidade e risco social dos municípios e DF. Representa a principal estrutura física local para a proteção social básica, desempenha papel central no território onde se localiza, possuindo a função exclusiva da oferta pública do trabalho social com famílias por meio do serviço de Proteção e Atendimento Integral a Famílias (PAIF) e gestão territorial da rede socioassistencial de proteção social básica.